Guarapuava

Nivaldo Passos Krüger deixa Guarapuava com grande legado político

14/02/2024por Revista Visual

O político Nivaldo Passos Krüger, ou “seu Nivaldo” como era conhecido, morreu nesta quarta (14) aos 94 anos, mas deixou Guarapuava com um grande legado político. O velório ocorre no Paço Municipal, desde meio-dia, e está aberto ao público. O sepultamento será no Cemitério Municipal de Guarapuava, na quinta-feira (15), às 9h. Nivaldo foi prefeito e vereador de Guarapuava, deputado federal, deputado estadual e suplente de senador pelo Paraná. 

Com grande comoção, a Prefeitura de Guarapuava decretou Luto Oficial de três dias. Durante este período, a Bandeira Municipal ficará hasteada a meio-mastro em todos os órgãos públicos da Administração Direta e Indireta. Além disso, o expediente nos órgãos municipais ficam suspensos nesta quarta (14). 

 

HISTÓRIA E CARREIRA

Nivaldo Passos Krüger nasceu em Canoinhas (SC) e se mudou ainda na infância para o Paraná, com a família. Em 1958 iniciou sua vida política quando foi eleito vereador de Guarapuava. Depois de alguns anos, exerceu três mandatos como prefeito. O primeiro foi de 1964 a 1969, o segundo de 1973 a 1976 e o último de 1983 a 1986. 

 Além disso, entre os anos de 1971 e 1974, ele se elegeu como deputado estadual do Paraná, logo em seguida teve o mandato de 1979 a 1983 como deputado federal. Como senador, assumiu em dezembro de 2002 e deixou o cargo no fim de janeiro de 2003.

Durante os mandatos, Krüger fez obras importantes para o Município, como a construção de casas populares, a estação de tratamento de água, a rede de distribuição e o plano básico de urbanização de Guarapuava. Ele ainda teve uma gestão marcada pela conclusão da Estação Rodoviária, pelo Cemitério da Vila Pequena, pelo Parque de Exposição, entre outras. 

Nivaldo ainda foi o primeiro presidente da Associação Comercial e Empresarial (Acig), e participou da Academia de Letras, Artes e Ciências de Guarapuava (Alac). Também foi o criador da Comissão Especial de Desenvolvimento Econômico da América Latina, fundador da Associação dos Municípios do Paraná e presidente da Associação Brasileira dos Municípios. 

Já como escritor e exímio fotógrafo, realizou obras sobre a história de Guarapuava, e pesquisas sobre as câmaras legislativas e do Poder Executivo. Hoje, os livros de Krüger são uma grande fonte de pesquisas por parte de acadêmicos e historiadores que buscam em seus trabalhos a base de sustentação de teses e outros artigos.